Rondônia

26/09/2018 08:39 rondoniaovivo

CABO ELEITORAL: Em que condições trabalham as formiguinhas nas ruas

Bastante conhecido no período de política, os cabos eleitorais, conhecidos também pelo nome de “Formiguinhas” tentam engajar a população sobre o seu candidato, nos principais pontos da cidade e balançam as bandeiras com os dados importantes para o momento da urna, como nome, partido e número.

Mas, o que poucas pessoas sabem são as condições de trabalho, que estas pessoas são submetidas.  No centro de Porto Velho algumas mulheres e homens dividem para fazer a divulgação de um candidato ao governo já bem conhecido na política. 

Mãe de três filhas, Marília* contou à reportagem do SITE que inicia o trabalho de cabo eleitoral às 08h00 da manhã e segue até às 11h30, quando ocorre o intervalo para o almoço e retoma as atividades às 14:00 todos os dias, trazida pelo contratante do partido. Os funcionários não têm direito à alimentação, somente a água. 

Questionada sobre o histórico e propostas do candidato que ela trabalhava, a jovem afirmou receber um papel com as principais informações sobre ele. Segundo ela, todos precisam "estudar" o conteúdo. 


Até onde a gente conhece dele, é a segunda vez como candidato. Disseram que é ficha limpa e de repente pode fazer alguma coisa para a gente. Esperamos e estamos confiando nele”, relatou a mãe de três filhas, com idades de três, quatro e dez anos. Moradora do bairro São Francisco, na Capital, ela disse que os grupos atuam sempre em regiões movimentadas, como o centro da cidade.


 
Sobre os termômetros registrarem 40ºC ao sol e a baixa umidade que atingiu a cidade nos últimos dias, ela explicou que os cabos eleitorais ficam em locais descobertos, mas somente quando o sol não está escaldante. Quando a temperatura sobe, eles são orientados a procurarem um local coberto. 

Ela, assim como os outros colegas, ganha a quantia de R$1.000 por mês para estar nas ruas disseminando informações sobre o candidato.  O objetivo é ir para os pontos mais movimentados da cidade e balançar as bandeiras com os dados importantes para o momento da urna.


Condições de trabalho 


 
Para evitar irregularidades na hora da contratação de cabos eleitorais, o Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério do Trabalho em Porto velho (MTb) fizeram uma recomendação aos partidos políticos como alerta.


 
A recomendação reforça a obrigação dos empregadores disponibilizarem água potável e concederem equipamentos de proteção individual, como protetor solar, bonés ou chapéus, e coletes refletivos. Nos momentos de pausa, os trabalhadores deverão ser encaminhados a abrigos, ainda que rústicos, para se protegerem da exposição solar e de intempéries.


 
Considerando que as atividades dos cabos eleitorais são normalmente desenvolvidas em locais públicos, os partidos e candidatos não poderão permitir que esse trabalho seja realizado sobre as faixas de pedestres, sobre as vias públicas de tráfego de veículos ou dentro do perímetro de 10 metros de postos revendedores de combustíveis, de modo a evitar a ocorrência de acidentes.


 

*O nome da entrevistada foi preservado.


650eb50d 5f1a 499e b498 2c256e8548cdMotelgifPatrao Lanches Gifbanner Centeeeerr NovapizzaChaveiroToplanches Proserv
LavajatoAb1a0c9d d96a 40c5 a04e 287e9f0c324f

WWW.RONDONIATUAL.COM: Este site acompanha diversos editoriais. Todos as notícias veículadas aqui são tratatas como simples suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Não nos responsabilizamos por quaisquer comentários de nosso internautas.

Retirar notícia: Entre em contato, enviando-nos o link da matéria.

CONTATO: contato@rondoniatual.com

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo